COVID-19 Notice: WE ARE OPEN AND OPERATING NORMALLY
Shipping from Europe - Please contact us before sending your samples to a forwarding office.

Biodiesel e biomisturas – combustíveis alternativos renováveis

biodiesel can be tested for biomass content via ASTM D6866
O biodiesel é um biocombustível produzido a partir de gordura animal, óleos vegetais ou gordura reciclada de restaurantes. Esse combustível líquido biodegradável é composto de ésteres alquílicos de ácidos graxos, ésteres metílicos de ácidos graxos, ou de ésteres monoalquílicos de cadeia longa. As biomisturas são misturas de biodiesel e diesel à base de petróleo.

O biodiesel é considerado uma boa substituição para o diesel à base de petróleo para ser utilizado em motores de ignição por compressão porque ele emite menos gases prejudiciais e enxofre, quando queimado. O biodiesel também é consideravelmente mais seguro que sua versão de base fóssil, devido às suas qualidades atóxicas e menos combustíveis (ponto de inflamação mais alto). Apesar do biodiesel conter cerca de 8% menos energia por galão do que o diesel de petróleo, não há relatos de diferenças significantes no desempenho ou economia de combustível.

O Departamento de Energia dos EUA diz que há quantidades suficientes de óleo de soja virgem, gordura reciclada de restaurantes e outras matérias-primas para produzir aproximadamente 1,7 bilhões de galões de biodiesel por ano sob as políticas desenvolvidas para incentivar o uso do biodiesel no país.

A produção de biodiesel

O biodiesel é produzido através da esterificação. Gorduras e óleos são misturados com álcool, normalmente metanol, para formar ésteres metílicos de ácidos graxos com a presença de um catalisador, normalmente hidróxido de sódio. A glicerina é um subproduto da produção de biodiesel.

Misturas de biodiesel

Nos Estados Unidos, é permitido misturar biodiesel com diesel derivado de petróleo em qualquer porcentagem. O biodiesel B100 é biodiesel puro, o B20 contém 20% de biodiesel e 80% de diesel de petróleo, e o B5 contém 5% de biodiesel e 95% de diesel de petróleo. A maioria dos usuários de biodiesel escolhem o B20 porque ele não apresenta os mesmos problemas de compatibilidade material e de desempenho em baixas temperaturas que o B100 apresenta.

As biomisturas também emitem menos gases de efeito estufa quando queimadas, em comparação com o diesel de petróleo. Segundo o Centro de Informação de Combustíveis Alternativos e Veículos Avançados do Departamento de Energia dos Estados Unidos, o uso do B100 reduz emissões de CO2 em mais de 75%, em comparação com o diesel de petróleo. O uso do B20 reduz as emissões de dióxido de carbono em 15%.

Regulamentações e Incentivos nos EUA

Há muitos incentivos e leis para o uso de biodiesel e biomisturas em nível estatal e federal. O estado de Washington apresenta o maior número, com 4 programas de incentivos e 13 leis. A maioria dos estados oferece isenções e deduções de impostos para incentivar a população a usar biodiesel. O B100 e misturas de B20 ou mais podem receber créditos de combustíveis alternativos, segundo a Lei de Política de Energias de 1992.