COVID-19 Notice: WE ARE OPEN AND OPERATING NORMALLY
Beta Analytic, as a laboratory, is considered an essential business under Florida's statewide Stay-at-Home Order. Taking the necessary measures to maintain employees' safety, we continue to operate and accept samples for analysis. IRELAND - Our forwarding office in Dublin is CLOSED at this time due to the current government restrictions. Please contact us BEFORE sending your samples so we can recommend you the best way to proceed.

Testando a exatidão de misturas de biodiesel para varejo nos EUA

biodiesel blendsUm estudo por Christopher Reddy, et al., utilizou a datação por radiocarbono para determinar as porcentagens de misturas em biodiesel para varejo nos EUA. A análise de mais de 20 misturas de biodiesel revelou que misturas dúbias são frequentes.

Reddy e companhia utilizaram um método validado, baseado em radiocarbono, para analisar uma variedade de biomisturas adquiridas em 2006 de estabelecimentos comerciais nos estados de Minnesota, Indiana, Massachusetts e Tennessee. Segundo seus resultados, apenas uma das 10 amostras de varejo passaram pelas especificações exigidas pelo Departamento da Defesa dos EUA para misturas contendo 20% biodiesel (misturas B20).

Datação por radiocarbono para biodiesel

Segundo Reddy, a determinação por radiocarbono das misturas de biodiesel apresenta importantes vantagens sobre outros métodos existentes, inclusive sobre o método europeu EN 14078, que emprega a espectroscopia de infravermelho. Uma das vantagens é a exatidão. O estudo demonstrou uma exatidão de ±1% em toda a amplitude de mistura v/v (0–100%), e ao mesmo tempo considerou a variabilidade de situações reais em todos os parâmetros de entrada.

O estudo, Determination of Biodiesel Blending Percentages Using Natural Abundance Radiocarbon Analysis: Testing the Accuracy of Retail Biodiesel Blends, foi publicado na revista Environmental Science & Technology em fevereiro de 2008.