CEN/TS 16137 – Medição do teor de carbono de de origem biogénico de plásticos e outros polímeros

  • A CEN/TS 16137 é aplicável a monômeros, polímeros, plásticos e biocompostos.
  • Esta especificação técnica europeia é baseada na análise do carbono 14.
  • Beta Analytic fornece a análise do conteúdo de carbono de origem biogénico sob a CEN/TS 16137.
  • Beta Analytic é um laboratório certificado com a ISO / IEC 17025: 2005 e não é afiliado com o CEN ou o CEN/TC 249.

A CEN/TS 16137 foi desenvolvida pelo Comité Europeu de Normalização (CEN), especificamente pela Comissão Técnica (TC por suas siglas em inglês) 249 do CEN “Plásticos”. Esta especificação técnica fornece métodos de cálculo e análise para a determinação do teor de carbono de origem biogênica de plásticos e outros polímeros que contêm carbono orgânico. Baseia-se nos métodos de carbono-14 descritos na norma EN 15440 e a norma ASTM D6866.

Conforme à CEN/TS 16137, o teor de carbono de origem biogénico de um material é “a quantidade de carbono de uma amostra contendo uma fonte recente verificável pelo seu conteúdo de isótopo carbono de 14”. A CEN/TS 16137 especifica três métodos de análise e expressa o teor de carbono de origem biogênica como:

– uma fracção da massa da amostra;

– uma fração do conteúdo total de carbono; ou

– uma fracção do conteúdo de carbono orgânico total.

A CEN/TS 16137: 2011 (Plastics – Determination of bio-based carbon content / Plásticos: Determinação de carbono de origem biogênico) foi publicada pela primeira vez nobr 31 de julho de 2011.

Nota: Uma especificação técnica (TS por suas siglas em Inglês) é uma norma previa que contém os requisitos técnicos e que, embora seja criada e aprovada por um Comitê Técnico do CEN, não é considerada uma norma europeia (EN por suas siglas em Inglês). Uma TS sim pode ser adotada como um padrão nacional. Sua validade é geralmente de dois a três anos. A TS pode tornar-se uma EN, se aprovada em uma Consulta do CEN e em uma votação formal.

A análise do conteúdo de carbono de origem biogênica por Beta Analytic

O laboratório certificado pela norma ISO/IEC 17025: 2005, Beta Analytic, mede o teor de carbono de origem biogênica de um material mediante a Espectrometria de Massas com Aceleradores (AMS por suas siglas em inglês), medindo diretamente o conteúdo de radiocarbono do material. Em comparação com os outros dois métodos previstos na CEN/TS 16137, a análise por AMS é mais precisa e tem um desvio padrão de apenas 0,1%.

Com sede em Miami, Florida, Beta Analytic aceita amostras de toda a Europa através do seu escritório de encaminhamento, em Londres, Reino Unido.

Beta Analytic apoia à indústria europeia do carbono de origem biogênica fornecendo medições do teor deste tipo de carbono de alta qualidade. Esta empresa não é afiliada com o CEN ou o CEN/TC 249.